Nacionalização de Peças

Existe um grande número de empresas estrangeiras que fabricam componentes industriais como bombas, compressores, carcaças, mancais e outros tipos de equipamento seriado, além de todas as peças desse equipamento, especialmente eixos, buchas, rotores e anéis. Ou seja, muito do maquinário utilizado na indústria nacional é fabricado em território estrangeiro;

Na maioria das vezes, tais equipamentos sequer possuem fabricantes dentro do Brasil.

E devido a todos os custos relacionados à importação de produtos, como frete internacional, conversão monetária de uma moeda estrangeira para o real e emissão de Nota Fiscal brasileira (sendo feita cobrança de todos os impostos associados) o custo de um produto importado é muito maior do que o custo que esse mesmo produto teria se fosse fabricado em território nacional.

Visando solucionar o problema causado pela ausência de fabricantes nacionais destes produtos, a BRANIVA oferece serviços de nacionalização: mediante projeto ou amostra, realizamos todo o processo de fabricação de quaisquer produtos, desde a compra da matéria prima, elaboração de um projeto no caso de fabricação a partir de amostra, passando por toda a usinagem e por tratamentos e revestimentos quando necessário, até a inspeção de qualidade e expedição.

Desta forma, produtos antes importados a altos preços passam a ser fabricados em território nacional, tendo seu custo consideravelmente reduzido e, portanto tornando a manutenção industrial de nossos clientes muito mais rentável.

 

Nacionalização dos produtos

Realizamos a nacionalização de quaisquer produtos cuja produção envolva trabalhos de usinagem e caldeiraria dentro das nossas capacidades operacionais: serviços de tornearia, fresamento, ferramentaria, retífica, caldeiraria leve e média, solda, entre outros.

Além disso, todos os desenhos são catalogados em nosso sistema, assim, oferecemos uma facilidade maior a nossos clientes quando é desejada a fabricação repetida das peças nacionalizadas.

Por exemplo, no caso da fabricação de peças de reposição para partes de equipamentos com alto nível de desgaste, como buchas, eixos ou rotores, principalmente quando estes trabalham em meio ácido, salino ou de outra forma corrosivo.

Além da vantagem da redução de custos na manutenção e expansão industrial, a nacionalização apresenta outra vantagem: o incentivo à industria nacional.

Produtos antes fabricados por empresas estrangeiras, dando lucro para empresários estrangeiros, ao serem fabricados em território nacional, contribuem com a economia nacional, pois toda a movimentação de capital relacionada ao serviço é feita dentro do país.

A redução de custos é benéfica para empresas localizadas no Brasil, a prestação de serviços é feita por uma empresa brasileira, ambas pagam impostos ao Estado brasileiro e o trabalho é executado por trabalhadores assalariados brasileiros.

Fale Conosco