Fresa CNC

Nas fresas de operação mecânica, o comando dos movimentos da ferramenta é feito através de volantes e manípulos manuseados diretamente pelo operador. Entretanto nem todo serviço de fresagem é feito em máquinas de operação mecânica.

Com o advento da tecnologia de Comando Numérico Computadorizado, na década de 50, surgiram as primeiras máquinas de fresamento CNC. A fresadora, por trabalhar em três eixos, se torna extremamente eficiente quando combinada com o sistema de coordenadas dos sistemas CNC, que também têm a base de seu funcionamento baseada num sistema tridimensional.

Isto faz da fresa CNC um equipamento muito mais preciso que suas contrapartes mecânicas. Dezenas e até centenas de peças CNC podem ser produzidas em série com o mesmo programa, tornando a fresagem CNC muito mais ágil que a fresagem convencional.

Além disso, algumas peças de menor complexidade podem ser produzidas por fresamento CNC sem a necessidade de ajuste por parte do operador.

Porém, a fresagem CNC não é tão ágil quanto o trabalho do centro de usinagem, devido à necessidade de troca manual de ferramenta e a ausência da capacidade de movimentação angular na maioria das fresas CNC. Por isso, o centro de usinagem, aparelho mais avançado na produção de peças CNC, é considerada a máquina-ferramenta mais versátil em toda a usinagem.

 

Centro de Usinagem

A principal diferença do centro de usinagem para a fresa CNC é que na fresa CNC a troca de ferramentas deve ser feita manualmente, havendo a necessidade de o operador interromper o processo produtivo e realizar a troca de ferramenta sempre que necessário.

Ao contrário, o centro de usinagem possui um dispositivo conhecido como “magazine” ou “pente”, numa tradução para o português. O magazine permite a acoplagem simultânea de várias ferramentas distintas e a mudança rápida entre elas durante a usinagem CNC conforme programado previamente.

Além disso, a maioria dos centros de usinagem possui a capacidade de realizar a movimentação angular da ferramenta, podendo trabalhar em até seis eixos diferentes (se considerarmos os eixos de movimentação axial e angular) e também possui a capacidade de rotar a mesa onde é fixada a peça.

Essas características tornam a usinagem CNC dos centros de usinagem ideal para a usinagem seriada, pois tais máquinas podem muitas vezes usinar uma peça de alta complexidade do começo ao fim sem nenhuma necessidade de ajuste por parte do operador durante o processo produtivo. Muito pelo qual muitas fábricas especializadas em usinagem seriada fazem amplo uso de centros de usinagem.

Na BRANIVA, o centro de usinagem é usado principalmente para a produção de peças de alta complexidade ou difícil manuseio para a produção em outra máquinas-ferramenta, como: mancais e caixas de mancal, cruzetas, bielas, castanhas, pinças, refletores, mandris, caixas de preme gaxeta, rotores, sapatas e outra peças de complexidade elevada, que necessitam de uma usinagem de alta precisão.

Fale conosco